Divisão de Planejamento Urbanístico e Ambiental

O Planejamento Urbanístico e Ambiental consiste na organização do espaço, de forma a “colocar as coisas no lugar que consideramos adequado”, ponderando que nesse espaço deverão coexistir elementos fixos e fluxos, de forma a refletir os valores de sua população.
Os elementos fixos caracterizam-se pelo ambiente natural e construído, enquanto os fluxos são as ações que atravessam ou se instalam nos fixos.

Dessa forma, o planejamento urbanístico e ambiental desenvolvido por esta divisão busca o reconhecimento dos fluxos das atividades desenvolvidas pela comunidade acadêmica e da ambiência urbana (organização e animação preexistentes que constituem um meio físico) para lançar os Planos de Uso e Ocupação dos Campi.

Os Planos de Uso e Ocupação são estudos preliminares que consideram os elementos fixos preexistentes e lança propostas gerais sobre os novos fluxos e elementos futuros. Os Planos de Uso e Ocupação servem de base para a elaboração dos Projetos Urbanísticos e do Plano Diretor e para a obtenção dos Licenciamentos Ambientais.

Fluxogramas

Processo para desenvolvimento do Plano Diretor

Processo para desenvolvimento de Projetos Urbanísticos

Macroprocesso para Projetos Urbanísticos e Licenciamento Ambiental

Planos de Uso e Ocupação do Solo

Al_Plano de Uso e Ocupação do Solo-Alegrete_Page_1 (R:\DIVIS303O DE PLANEJAMENTO URBANO E AMBIENTAL\Projetos em (R:\DIVIS303O DE PLANEJAMENTO URBANO E AMBIENTAL\Projetos em (R:\DIVIS303O DE PLANEJAMENTO URBANO E AMBIENTAL\Projetos em (R:\DIVIS303O DE PLANEJAMENTO URBANO E AMBIENTAL\Projetos em

 

 

 

 

Atribuições
  • Coordenar, planejar e executar as políticas urbanísticas e ambientais para a expansão física dos campi UNIPAMPA;
  • Elaborar o Plano Diretor da Universidade por meio da criação de diretrizes de uso e ocupação do solo; de desenvolvimento administrativo, econômico e social;
  • Coordenar o desenvolvimento dos projetos de desenho urbano das unidades, contemplando levantamentos planialtimétricos, geotécnico, vegetação, cursos d’água; zoneamentos; implantações dos prédios; redes de circulações e pavimentações; redes de infraestrutura para água, esgoto, pluvial, iluminação, fibra ótica; serviços de coleta de lixo, transporte coletivo; paisagismo; comunicação visual; mobiliário urbano; comunicação visual e projetos temáticos;
  • Elaborar os projetos necessários para obtenção dos licenciamentos ambientais das unidades.